Do Protestantismo para o Coração de Jesus.

Me chamo Jaqueline Moreira, tenho 25 anos, sou natural de Itaituba PA.

Bom, primeiro eu nunca imaginava ser religiosa. Na minha infância eu conversava com minhas colegas de escola sobre casar e adotar filhos.  Contudo, na minha adolescência o Senhor me chamou para servi-Lo mais de perto, porém eu imaginava que seria para entrar na Igreja “protestante” e lá eu fui, mas mesmo estando lá, sentia um vazio, sentia que ainda não era daquela forma que Jesus me chamava, então sai.  Então comecei uma busca incessante de dar ao meu Jesus o que Ele queria de mim, nisso comecei a frequentar várias Igrejas: Assembleia, Igreja do Véu, Adventista, Universal, Testemunha de Jeová dentre outras, já que minha família inteira praticamente é “evangélica”, então eu também me tornei uma protestante, mas nunca em hipótese alguma queria pisar os pés na Igreja Católica. E andando nessas Igrejas não conseguia senti que lá era meu lugar, eu não conseguia sentir a presença de Jesus, me sentia meio que obrigada a renunciar algumas coisas, não sentia que era uma renúncia que vinha do coração e continuava com um vazio dentro de mim, e sentia que Jesus ainda não estava feliz.

Mas, em 2014 senti um desejo muito forte de me batizar e crismar na Igreja Católica, eu não entendia o que eu estava sentindo, pois nunca imaginei em ir à uma Missa. E em 2015 deixei de ser protestante e me tornei Católica, aos meus 20 anos de idade, finalmente me batizei e crismei, no período de preparação conseguia senti que Jesus estava feliz comigo, mas ainda faltava algo que eu ainda não sabia o que era. Passei por 3 anos ainda em busca do pedido de Jesus, nisso em 2018 em um retiro de carnaval chamado RENOVAI, com a presença de algumas freiras, que eu nem imaginava que existiam de verdade, pois eu imaginava que freiras só existiam em filmes, mesmo eu com vontade de não está ali, eu sentia que eu deveria está ali. E em todos os momentos que as irmãs estavam à frente, eu sentia uma inquietação imensa no meu coração, mas não sabia o que era, pois eu não queria jamais ser freira na vida. Mas Ele me pegou de jeito e em um sonho me revelou onde Ele queria que eu estivesse, desde aquele dia meu coração ficou numa inquietação tremenda até conseguir entrar no vocacional do convento de uma das irmãs que estavam no retiro, nesse tempo, mudei de cidade e fui morar em Recife- PE, lá morava com meus tios e ambos eram “evangélicos”, e por eles saberem que eu havia saído da igreja protestante e ido para a Católica e para completar estava querendo ir ao convento, acabaram me perseguindo bastante, sofri muito. E mesmo eu estando em uma das melhores capitais, trabalhando na minha área de formação (licenciatura em História), vivendo muito bem, ainda não me sentia completa, sentia que Deus queria mais de mim, e por fim larguei tudo e fui rumo ao Maranhão conhecer o convento as Irmãs Pequeninas, vim fazer uma experiência de uma semana, mas quando cheguei aqui, Jesus me recordou do sonho, e eu não quis mais ir embora, passei um ano e meio sem ir em casa, pois sentia meu coração completo, me sentia feliz como nunca havia me sentido antes, percebi que meu Deus não queria nada de grandeza em mim, queria que eu me tornasse tão Pequenina, para caber dentro do seu Sagrado Coração. E eis que aqui estou há 2 anos e alguns meses, sou aspirante de segundo ano, buscando essa entrega total a Deus, a serviço dos irmãos, pois a vida só tem sentido quando doada na gratuidade e na alegria. Aqui estou Eu, aqui sou Feliz!


Jaqueline Moreira

Aspirante do Instituto das Irmãs Pequeninas do Sacratíssimo Coração de Jesus

Casa de Missão e Aspirantado Beata Elena Guerra / Vitória do Mearim – MA

Testemunho Vocacional – Aspirante Jaqueline