O amor de Jesus é tão profundo a ponto de nos trazer felicidade plena. É forte como a própria morte, ardente como um incêndio, penetra no mais íntimo do coração e faz aí arder. É o amor perfeito, onde se encontram as bem-aventuranças para a alma. Não existe tempestade capaz de escurecer nossa visão ao contemplarmos este celeste e puro amor. É a felicidade sem fim, o amor eterno.

Contemplar o Amor